15/01/2016 - 09:58

Por: Assessoria

Cinco homens são presos em Pontes e Lacerda por comércio ilegal de ouro


Foto: Assessoria PJC

   Cinco pessoas foram presas por extração ilegal de minério, na cidade de Pontes e Lacerda (448 km a Oeste), na noite de quinta-feira (14.01), pela Polícia Judiciária Civil. Os suspeitos usavam uma casa para derreter o ouro extraído do garimpo ilegal da Serra da Borda e também como ponto para venda do minério.

   O delegado Gilson Silveira informou que quatro dos detidos são pessoas que vieram de fora para tentar a sorte no garimpo ilegal e um é morador de Pontes e Lacerda. “Com a primeira desocupação, já acreditando na possibilidade de voltar, começaram a alugar casas aqui”, disse.

   Na residência localizada no centro de Pontes e Lacerda, com muros altos e cerca elétrica, os policiais apreenderam equipamentos como maçaricos, usado para derreter as pepitas de ouro, alicates, calculadora, balanças de precisão, e vários outros objetos. Também foi apreendido um revólver calibre 38 com numeração raspada e cinco munições, uma caminhonete S 10, um veículo Corsa, e mais de R$ 6 mil.

   Conforme o delegado, há uma semana os policiais começaram a monitorar a casa, apontada na denúncia como ponto de venda e compra de ouro. “Havia a possibilidade de achar arma por, geralmente, por haver segurança armada”, disse Gilson Silveira.  

   Todos os presos irão responder por usurpação de bem da união. O dono da casa, Estevão Martins do Nascimento, 31 anos, natural de Goiás, foi também autuado em flagrante por corrupção ativa, em razão de ter oferecido dinheiro para os investigadores não efetuar sua prisão.

   Na quinta-feira, os policiais, durante a vigilância da movimentação da residência,  abordaram uma caminhonete S10, onde estava o motorista, Simião Gonçalves, 59 anos, morador de Pontes e Lacerda, que era acompanhado de Danilo Rosa, 30, anos, natural de Bauru (SP), e de Carlos Martins, 45, de Firminópolis (Goiás). “Ainda estamos apurando, mas provavelmente estavam indo lá para comprar ou vender ouro”, informou o delegado.

   O motorista Simião estava na posse do revólver calibre 38, e  foi autuado por porte ilegal de arma de fogo com  numeração suprimida, crime contra a economia popular e usurpação de bem da união. O quinto preso, Sebastião José dos Santos, estava na casa. Ele é natural de São Paulo.

 


Por Ascom PJC-MT

Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Cinco homens são presos em Pontes e Lacerda por comércio ilegal de ouro

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.