12/11/2019 - 08:00

Por: Redação Zakinews

Cidade Alta vence Vila Irene e conquista título inédito no futebol de areia


 


  
Dois jogos com resultados iguais em 4 X 3, marcaram o encerramento do 11º Campeonato Cacerense de Futebol de Areia, promovido pela Associação Cacerense de Inclusão à Cultura e ao Esporte (ACICE). O palco foi a quadra de areia da praça da Cohab Nova com presença de grande público que testemunhou a vitória de Massa Barro em cima da Óptica Júnior, conquistando o 3º lugar e a Cidade Alta que derrotou a Vila Irene, ficando com o título de campeão.

   Na primeira partida da noite, na disputa do terceiro lugar, o time do Massa Barro surpreendeu a bicampeã Óptica Júnior (vencedor de 2016 e 2018), fazendo 4 a 0 até aos 5 minutos do segundo tempo. Depois se descuidou e, aos 10 minutos da etapa final já estava em 4 a 3. Nos últimos minutos da partida, Massa Barro levou sufoco mas conseguiu segurar o resultado e o 3º lugar. Pela vitória, o time do Massa Barro recebeu dos organizadores o troféu e prêmio em dinheiro no valor de R$ 600,00. Com o 4º lugar, Óptica Júnior recebeu somente R$ 400,00 da ACICE.

   Os gols da partida foram marcados por Wellison (3) e João Vitor para o Massa Barro. Para a Óptica Júnior, balançaram as redes Lorran (2) e Daniel Christian que registrou seu 18º gol no campeonato, garantindo a artilharia e recebendo uma bicicleta e um relógio como prêmio.

   Antes da bola rolar entre Vila Irene e Cidade Alta, aconteceu a solenidade de encerramento do campeonato com a  entrada oficial das equipes na quadra de areia, execução do Hino Nacional e presença da vice-prefeita de Cáceres, Eliene Liberato, da secretária de Esportes, Eliane Batista, do Coordenador de Esportes, Marcos Nascimento (também é presidente da ACICE) e do homenageado Luiz Fernando da Silva, o Sapo, além da transmissão ao vivo do radialista Manga Rosa com sonorização de Bira Garcia.

   Com o retrospecto de estar em duas finais consecutivas, em 2018 e 2019, o Vila Irene estava com a sensação de não morrer na praia mais uma vez, já que havia sido derrotado na final em 2018 por 2 a 0, para a Óptica Júnior. O primeiro tempo, apesar de bastante equilibrado, tinha o Eloilson (Lolo) da Cidade Alta, fazendo de tudo para segurar o ataque do Vila Irene, até que aos 14 minutos, Kaike conseguiu furar a forte defesa, abrindo o marcador em favor da Vila Irene. O primeiro tempo terminou 1 a 0 em favor do time treinado Wesley Duarte.

   No intervalo da partida, os jogadores da Cidade Alta chegaram a discutir com rispidez. Chegando ao ponto do treinador Hélio Vilas Boas separar alguns atletas mais exaltados.

   Parece que o bate-boca chacoalhou o time da Cidade Alta e teve a sorte de fazer o gol de empate na saída de bola da etapa final em chute do meio da quadra do craque Jordan Freitas. O gol de empate deu a impressão que os jogadores do Vila Irene tivesse levado um baque. Aos 10 minutos, Cláudio Duran e novamente Jordan aos 13´, deixaram o placar em 3 a 1 a favor da Cidade Alta. Só que o Vila Irene não se entregou e encostou novamente aos 14´, fazendo 3 a 2, com gol de Camilo. Adriano voltou a ampliar para a Cidade Alta aos 16´ e a Vila Irene ainda teve forças para marcar nos últimos segundos da partida com Ronald. Final de partida com o placar em 4 a 3 para Cidade Alta, os jogadores comemoraram muito dentro das quatro linhas e gritaram "é campeão", conquistando o título pela primeira vez no futebol de areia. 

   O Vila Irene chega pela segunda vez consecutiva nas finais do futebol de areia e também, pela segunda vez perde o jogo decisivo. Morreu novamente "na praia", como diz na gíria do futebol. Pelo vice-campeonato, o time recebeu troféu de 2º Lugar, medalhas para os atletas e a premiação de R$ 1.500,00 (hum mil e quinhentos reais). O campeão Cidade Alta, além de troféu "Luiz Fernando da Silva" e medalhas para todos os atletas e dirigentes, levou o prêmio máximo de R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais).

   A organização também premiou o artilheiro do campeonato, Daniel Cristhian, da Óptica Junior, por ter feito 18 gols. Ele recebeu uma bicicleta como prêmio e a Rose Jóias também ofereceu um relógio ao goleador. O goleiro menos vazado foi Christian Senábio da Vila Irene, levou 20 gols, recebeu uma bicicleta. Para o melhor jogador do campeonato, atleta da equipe do Massa Barro, Wellison Deluque, recebeu R$ 150,00 e a empresa Rose Jóias também ofertou um relógio ao gol mais bonito do campeonato que foi para o goleador da Cidade Alta, Jordan Freitas.

Os atletas campeões da equipe da Cidade Alta foram: Adriano de Oliveira, Antonio Santos, Carlos de Jesus Neves, Cláudio Duran, Eliano dos Santos, Eloilson Costa, Flávio Rodrigues, Jordan Freitas, Lediomar de França, Marcos Alexandre Araújo, Marcos Deluque e yuri Buck. O treinador é Hélio Vilas Boas.

Os atletas vice-campeões do time da Vila Irene, são: Camilo Junior, Carlos Vinícius, Christian Senábio, Elivelton Senábio, Kaique Araújo, Randerson Caetano, Renan de Paula, Rodrigo Campos, Roger Santana Senábio, Ronald Senábio, Thiago Gattass e Vanderlei Xavier.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 



Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Cidade Alta vence Vila Irene e conquista título inédito no futebol de areia

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.