Zaki News

19/12/2017 - 19:51

Por: Jacques Gosch, com informações

Bezerra comemora mudança para MDB em Convenção Nacional


   O deputado federal Carlos Bezerra comemorou a decisão da convenção nacional extraordinária do PMDB que aprovou a mudança do nome da sigla para MDB (Movimento Democrático Brasileiro). A retirada do P de partido foi aprovada, nesta terça (19), por 325 votos a favor, 88 contra e 29 brancos ou nulos do total de 414 votantes.

   “Votei a favor da mudança. Vamos voltar às origens. Sou do velho MDB que enfrentou a ditadura e lutou pelo restabelecimento da democracia no país. Agora, o partido está pronto para retomar a bandeira do desenvolvimento com justiça social”, declarou Bezerra em entrevista ao .

   Além de Bezerra, representaram Mato Grosso na convenção extraordinária sua esposa em assessora especial do Ministério do Turismo Teté Bezerra, o deputado estadual Silvano Amaral, o diretor de Obtenção de Terras do Incra Clóvis Cardoso e Totó Parente. Todos votaram a favor da mudança para MDB. Também estavam presentes militantes como Rodrigo Rodrigues e o presidente da Fundação Ulysses Guimarães Rafael Bastos. 

   A alteração de nome ainda precisará ser validada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que registra os partidos políticos no Brasil. O procedimento, no entanto, é considerado protocolar. “Nas eleições de 2018, estaremos usando a sigla MDB. Os brasileiros e mato-grossenses sabem que temos muitos serviços prestados ao Brasil e ao Estado”, completa Bezerra.

   Em 2017, outras duas legendas também mudaram de nome. O PTN virou Podemos e PTdoB virou Avante. Outras agremiações estudam adotar a mesma estratégia de marketing político e substituir siglas por slogans. O PEN está mudando para Patriota e deve receber o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ), pré-candidato a presidente da República. 

MDB

   Entre 1966 e 1979, durante o regime militar, o MDB era o único partido nacional de oposição. O regime era sustentado pela Arena (Aliança Renovadora Nacional) dentro do sistema do bipartidarismo instaurado no país após a edição do Ato Institucional nº 2, de 1965 que extinguiu os partidos existentes. (Com informações do UOL)

Comentários: ( 0 ) cadastrados.

Faça o comentário para a noticia: Bezerra comemora mudança para MDB em Convenção Nacional

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de total responsabilidade do autor.
As mensagens com conteúdo abusivo poderão ser vetados da publicação.